Vou transferir meu título para Ipatinga. Afinal, a Márcia Leal, minha querida prima, é candidata a vereadora. Seu lema não poderia ser melhor: educação é cidadania!

Imagem

A Márcia, minha prima, é a da esquerda, ao lado da Cecília, candidata a prefeita.

Mas ela se chama Márcia Cristina Leal Henrique e é prima?A explicação remonta à história familiar, que começa no interior das Gerais, na queridíssima cidade que tem o nome de Urucânia, origem da família da qual a Márcia e este seu primo fazem parte. Pois bem. Naquele tempo (se acontece hoje, imaginemos há 40, 50 anos…), nomes e sobrenomes se confundiam. O avô, Raimundo Henrique da Silva, era casado com Teresa Salgado, a avó. Do casal nasceram vários filhos, entre eles o pai da Márcia, Raimundo Henrique Filho, o querido tio Totoca, e Conceição Salgado, irmã dele, minha querida mãe. E a mistura de sobrenomes se deu com os demais filhos: os homens recebiam o sobrenome do pai, as mulheres o sobrenome da mãe. Daí, o “Henrique” do pai da Márcia acabou virando sobrenome. Portanto, Márcia Leal (sobrenome da mãe dela, tia Dalva, guerreira e incansável mulher, a quem admiro muito) Henrique. Juntando tudo em uma bela e saudável salada de frutas, eis Márcia Cristina Leal Henrique. Do meu lado, herdei o Salgado da minha mãe e o Rocha do meu pai. Mas agora, feitas as explicações, importa mesmo é registrar que, apesar da distância (ela mora no Vale do Aço, em Minas, e eu em São Paulo), acompanho seu incansável trabalho em favor da educação. Uma luta que se estende por diversas vertentes, entre elas a defesa dos direitos dos trabalhadores da educação – salário digno e condições de trabalho justas, fundadas em investimento, apoio e democracia.  É uma alegria, Márcia, uma alegria e uma honra tê-la como prima, e agora nessa virtuosa vereda política (e bem-sucedida, não tenho dúvida). Incorrem em grande equívoco os que dizem que não gostam de política. Quanto maior o número de homens e mulheres que dizem que não gostam de política, mais facilmente serão governados por aqueles que também não gostam de política, mas gostam de enganar, tripudiar e corromper.

 – Bem, feitas as apresentações, vamos à candidata… Márcia, bem objetivamente, por que deseja ser vereadora em Ipatinga?

– Se puder resumir essa vontade, digo que meu desejo real é construir um mandato coletivo para fazer acontecer o controle social sobre os atos da administração. Moro no Vale do Aço desde 1979, conheço a região e seus problemas. E lutarei muito, cotidianamente, pela educação, razão de ser da minha vida social.

– Você tem quantos anos?

– Estou com 47 anos, tenho três filhos.

– Conte um pouco da sua história. É importante, pois não começou agora… Ou seja, uma luta de muitos anos.

– Desde 1981, Guilherme, estou na educação pública, como professora de Português nas redes estadual e municipal. São mais de 30 anos em sala de aula, um contato permanente com os problemas da educação. Atualmente sou diretora licenciada do Sindicato Único dos Trabalhadores em Educação de Minas Gerais, subsede de Ipatinga. Já me aposentei, mas permaneço atuante nas frentes de luta em defesa da educação.

– E ainda encontrou tempo para estudar Direito…

– Eu me formei em Direito, mas não sem esforço, confesso. O resultado pessoal, entretanto, é muito grande, e o coletivo igualmente, pois o curso ampliou a visão sobre a luta, sobre os direitos dos trabalhadores, o direito de quem sofre; afinal, o direito dos mais pobres.

– Voltando à candidatura. O que pensa do Legislativo,  a importância da Câmara dos Vereadores?

– As duas funções mais importantes da Câmara são, sem dúvida, propor leis que atendam àqueles que mais precisam, e fiscalizar os atos do Executivo. Esse é o ponto de partida, a essência de um trabalho parlamentar honesto e eficiente. E a isso acrescento o compromisso, firmado em nossa campanha, de zelar pelo cumprimento do programa de governo da nossa candidata a prefeita, Cecília Ferramenta. Um programa construído a muitas mãos, que traduz as necessidades e expectativas da população de Ipatinga. Estou plenamente convencida de que a execução das ações contidas em nosso programa de governo garantirá que o poder público cumpra o seu papel, oferecendo a Ipatinga uma prestação de serviços públicos de qualidade, na educação, na saúde e na assistência social.

– É importante elogiar e destacar o seu slogan. Na verdade, parabéns por ter escolhido um eixo central da campanha tão essencial, imprescindível, que nada mais é do que a continuação, na Câmara dos Vereadores, de uma luta que dura muitos anos.

– Estes anos todos, meu primo, sempre desejei desenvolver um projeto de mudança social a partir da educação. Sempre mesmo. E tendo como princípio fundamental a luta pela garantia de um ensino público de qualidade. Daí, veio a escolha do slogan “Educação é Cidadania”. Iniciei a carreira de professora na década de 80, e era um momento de efervescência da organização da classe trabalhadora, o que naturalmente implica envolvimento profundo com a luta em defesa da educação. Luto decidida e intransigentemente por um projeto educacional que se traduz na conformação de uma escola pública de qualidade social e que respeita os conceitos que promovem a cidadania e constroem um mundo melhor a partir da educação.

– Márcia, pelo que estávamos conversando antes da entrevista, a sua candidatura está muito ligada à da Cecília, candidata a prefeita. Como não moro em Ipatinga, desejo saber o porquê.

– É fundamental a eleição da Cecília. O PT, nos 16 anos em que esteve à frente do governo municipal, demonstrou competência total e absoluta para administrar Ipatinga. A eleição de Cecília é a recuperação de um governo que deu certo, que fez a diferença ao apoiar e estimular a organização popular. Temos um programa de governo que, indiscutivelmente, reúne as melhores propostas para nossa querida Ipatinga. Estamos todos empenhados em elegê-la prefeita. Ipatinga voltará a trilhar o caminho da dignidade e da competência administrativa.

– Márcia… Será que dá tempo de correr e votar em Ipatinga? Voto aqui no Haddad, pego o trem, mando o maquinista colocar lenha no fogo, corro e voto em você para vereadora…!!!

Anúncios

19 Comentários

Arquivado em Uncategorized

19 Respostas para “Vou transferir meu título para Ipatinga. Afinal, a Márcia Leal, minha querida prima, é candidata a vereadora. Seu lema não poderia ser melhor: educação é cidadania!

  1. A educação é a arma mais poderosa que você pode usar para mudar o mundo… voto em Márcia Leal pelo seu comprometimento com o ensino público… 13013 !!!!!

  2. Wilem

    Marcia, isso mesmo, luta para ter um povo mais educado em saber votar. Mostre para a população que ela tem a força nas mãos e não precisa aceitar qualquer coisa na troca por voto. Ensina o povo a ser cidadão de verdade.
    Gostei muito de sua entrevista feita pelo Guilherme suas respostas foram bem claras e objetivas.

  3. Christiane

    Vote Marcia Leal para uma cidade de verdade com evolucão no ensino público, cuidando da nossa populacão do futuro! 13013!!! vai que é suaaaaa!!!

  4. Juscelino de Souza Cunha

    Parabéns márcia, a educação é essencial para o desenvolvimento de uma nação. Pessoas com o seu trabalho e comprometimento merecem o respeito e a credibilidade de todo cidadão. Que vc, assim como “nossa” candidata Cecília obtenham bastante êxito nas eleiões e sejam grandes servidoras do povo de Ipatinga nos próximos quatro anos. Grande abraço e boa sorte!!!

  5. Vamos juntos , com Márcia Leal 13013, Consertar Ipatinga de Novo !

  6. Naiara Henrique Barbosa

    Tá faltando 5 dias… Vamos pensar direito, com muita responsabilidade. A escolha certa pra vereadora é Márcia Leal 13.013 ! EDUCAÇÃO É CIDADANIA! E não se esqueça, dia 07 de outubro é 13.013 pra consertar de novo !

  7. Queria taaanto votar em Ipatinga, só para votar com orgulho! Márcia Leal é exemplo de cidadã que coloca a educação em primeiro lugar!!!!

  8. Mathias Henrique Goulart

    Márcia Leal 13013 – EDUCAÇÃO É CIDADANIA!
    Pelo fato de ser professora e conhecer a história de cada aluno ali contada em salas de aulas já é fundamental para um progresso melhor para toda Ipatinga!
    Abraços, boa sorte!

  9. E ainda digo Marcia Leal você é o novo fenômeno da polítuca de Ipatinga…. sua campanha creceu muito nas últimas semanas… pessoal da cidade está encantando com os seu discursos sua maneira simples e humilde de fazer política… estou muito orgulhosa de você minha mana… parabéns Guilherme pela entrevista e muitos não estão comentando porque o site está com problemas…. bjs

  10. Rebeca

    A formação da Márcia permite conhecer as necessidades da população…. Isso só poderia resultar em comprometimento com a educação!!! Campanha humilde e inteligente… 13013 com certeza!!!

  11. Pedrinho que depoimento mais lindo um filho pode deixar para uma mãe aliás um eleitor pode deixar para seu candidato…. através da brilhante entrevista de Guilherme a Márcia Leal conquistou de vez seu lugar na Câmara Municipal de Ipatinga!!!!

  12. Ótimo tema para campanha, Educação é a base de tudo.
    muita força nessa reta final, estou aqui no ES torcendo por você!

  13. Venha para cá, Guil, ao menos comemorar conosco a vitória do PT. Estaremos todos, eu, Cecília, Marcola… ávidos por receber a alegria contagiante que emana de você. Abraço.

  14. Não sei o que minha mãe arrumou, mas o comentário anterior é dela!Ainda bem que a campanha vai terminar em breve!

  15. Wilem Antonio Bala

    Marcinha sempre te admirei pela sua garra e determinação em fazer algo de interessante para a educação do povo brasileiro,espero que as pessoas do seu municipio vejam isso, o seu interesse em ajudar a melhorar essa educação tão falida que o governo não quer vêr, eu quero muito que voce entre na politica para melhorar esse salario dos educadores que é uma MERDA sabendo que eles são a mola mestre na EDUCAÇÃO DE UM POVO e os governantes não tem interesse em mudar isso, vamos inverter esse quadro, isso não é para sempre. Meus parabens pela entrevista.

  16. Márcia Barony

    Bom..falar de Márcia Leal é mto fácil.É privilégio conhecer alguém como ela. É uma profissional super competente, uma amiga incrível…e com certeza, será uma vereadora que fará a diferença por nunca ter sido indiferente aos problemas sociais e principalmente, à EDUCAÇÃO. Sou Márcia Leal. Sou 13013. Esta sim…é LEAL até no nome! Que Deus a proteja..hj e sempre! Márcia Barony

  17. Patrick Lomeu Rampi

    Grande entrevista, pessoal da Márcia foi lá em casa hoje e gostaram do programa de governo é 13013 neles, abraços Marialva.

  18. PHABLO CORREA CABRAL

    Marcia, estou muito feliz em ver que o sua luta nunca foi em vão, pois mesmo não morando em Ipatinga, posso testemunhar o quanto ama a EDUCAÇÃO desse municipio, pois foi lecionando que descobriu o quanto essa palavra é de suma importancia para que o mundo se torne melhor, e voce nesses anos vem lutando e fazendo que todos entendam a importancia que a EDUCAÇÃO tem em nossas vidas, luta que que infelizmente temos que travar com os governates, que eram para ser os primeiros a lutarem por uma educação digna e de qualidade. Mas como essa luta tem que continuar, e sei tambem que é com esse objetivo que esta lutando para que possa ter mais força para que essa luta seja ainda maior, por isso povo de Ipatinga tem a oportunidade de eleger hoje uma MULHER, MÃE E EDUCADORA, para mudar a hstoria da educação em IPATINGA, infelizmente não voto em Ipatinga e nem tenho como mais mudar meu titulo, pois se pudesse meu voto seria 13013, MARCIA LEAL PARA TORNAR A EDUCAÇÃO ALGO REAL EM IPATINGA!!!
    BOA SORTE E ESTAMOS ORANDO POR VOCE, POIS TENHO CERTEZA QUE A VITORIA É CERTA!!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s